Melhores momentos – parte 5

  Ok, eu sei que este momento não se pode de chamar “melhor momento”, masfica melhor que piores momentos. Assim, o momento de hoje é: A traição de Freezer (agora percebem o que eu queria dizer… ou não?). Eu estava a pensar pôr a destruição do planeta Vegeta, mas assim, ficava muito curto.

  Freezer, sabia que os guerreiros do espaço andavam a conspirar contra ele, e, sabia que cem guerreiros do espaço não fariam nada contra ele, mas, se se unissem todos, poderiam ser uma ameaça contra o seu império, e ainda havia a lenda deles, a lenda do super guerreiro, que nascia de mil em mil anos, e, era tão forte que ninguém poderia nada contra ele, e, desde a suposta aparição do último super guerreiro, já passaram mil anos. Freezer não acreditava nessa lenda, mas, e se fosse verdade? Era isso o que ele mais temia. Assim, não havia outra alternativa senão extreminá-los a todos.

  Primeiro, mandou vários soldados matar guerreiros do espaço que estavam em missões noutros planetas, de entre eles, os companheiros de Bardock, para os matar, mandou Dodoria com qutro ou cinco soldados, os soldados, foram todos mortos por Bardock, mas Dodoria, quase o matou, mas os corpos dos amigos, amorteceram o impacto da explosão, e, como ficou tapado por eles, Dodoria pensou que ele estivesse morto. Mas, quando viu (junto a Freezer) a cápsula dele a voltar ao planeta Vegeta, em vez de a destruirem, deixaram-no ir, pois morreria de qualquer das formas.

Dodoria, junto a outros soldados, matou os companheiros de Bardock

  Bardock, assim que chegou ao planeta Vegeta, foi a correr, mesmo muito ferido, e avisou muitos guerreiros que estavam numa sala a conversar, mas, estes desataram a rir, a pensar que ele estava a mentir. Assim, Bardock foi sozinho atacar a neve de Freezer que se aproximava do planeta Vegeta.

  Entretanto, Freezer estava na nave, e de repente entram na sala onde ele se encontrava Rei Vegeta com mais uns soldados, fácilmente, mata o rei dos guerreiros do espaço, e ainda mais fácilmente os soldados. E, nesse espaço de tempo, Bardock foi a voar, apróximou-se do exército e, por muito que tentassem, Bardock conseguiu derrtá-los a quase todos, mesmo estando centenas deles agarrados a ele. No fim, quando se consegue apróximar da nave, surge Freezer. Bardock, faz um pequeno discurso a dizer que não lhe mete medo, e que o consegue derrotar (o que é mentira), quando Freezer levanta um dedo, fazendo aparecer uma bola de ki do tamanho de um berlinde, e Bardock lança uma bola de ki azul esbranquiçada, mas, nesse preciso momento, Freezer aumentou e muito o tamanho da sua bola, que acabou por absorver o poder da de Bardock. Assim que ficou com metade do volume do planeta Vegeta, Freezer lançou-a, matou Bardock, matou dos seus próprios soldados e ainda destruiu o planeta Vegeta. Mas a essa exlposão, escapou um bebé muito fraco, chamado Kakarotto, Freezer mal sabia que ele seria o seu maior pesadelo.

Bardock e Son Goku, tal pai tal filho

Esta entrada foi publicada em Todos. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s